Topo
pesquisar

Revolta de Juazeiro do Norte

Século XX

PUBLICIDADE

O movimento de Juazeiro do Norte iniciou-se em 1913, no Ceará, e foi uma resposta à introdução da política das salvações elaborada pelo então Presidente Hermes da Fonseca, que pretendia combater as lideranças coronelísticas que atrapalhavam o poder público. O mais curioso desse movimento foi que uma de suas lideranças era o padre Cícero Romão que, além de membro religioso da igreja, também tinha se tornado um coronel.

Padre Cícero iniciou sua carreira religiosa na interiorana cidade de Crato, no Ceará, com o objetivo de propagar a fé cristã. Contudo, na década de 1870, o padre mudou-se para Juazeiro do Norte onde se tornou a maior liderança política e religiosa da região. Sua influência na sociedade começou quando ele realizou um milagre eucarístico durante uma missa em que a hóstia entregue a uma beata transformou-se em sangue. Após esse acontecimento, a notícia se espalhou e o padre passou a ser visto como um líder messiânico, representado como o verdadeiro messias, o salvador do povo de Juazeiro.

O médico Floro Bartolomeu, que chegou em 1908 na cidade de Juazeiro, firmou aliança com Padre Cícero, formando uma poderosa influência na região. Além disso, em 1910, os coronéis mais poderosos do estado do Ceará se uniram, assinando um “pacto dos coronéis”, para combater a política das salvações introduzida pelo governo federal. Após a assinatura desse pacto, Padre Cícero declarou a independência da cidade de Juazeiro do Norte junto ao munícipio de Crato e tornou-se, através do voto de cabresto, o primeiro prefeito da cidade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Franco Rabelo, governador do estado e aliado do governo federal, decidiu intervir militarmente na cidade de Juazeiro para impedir o crescimento político de padre Cícero. Porém, o líder religioso, juntamente a Floro Bartolomeu, tinha sob seu poder uma grande quantidade de jagunços que estavam preparados para a defesa da cidade e que chegaram até a invadir a capital do estado, Fortaleza. O resultado foi uma guerra entre coronéis e o Estado.

Padre Cícero e Floro Bartolomeu saíram vitoriosos do confronto com o Estado e continuaram ocupando cargos políticos e comandando com grande influência a cidade de Juazeiro. Após a morte do Padre Cícero, várias pessoas começaram a segui-lo, considerando ele um verdadeiro líder messiânico, o protetor do povo nordestino.


Por Fabrício Santos
Graduado em História

Padre Cícero: Figura central na revolta de Juazeiro do Norte
Padre Cícero: Figura central na revolta de Juazeiro do Norte
SÉCULO XVI AO XIX
Guerra Mexicano-Americana

Guerra Mexicano-Americana

Conquista do Texas marca o conflito.
Ilustração da batalha de concon

Guerra Civil Chilena

Saiba como aconteceu!
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Guerras Brasil Escola