Topo
pesquisar

Guerra da Indochina

Século XX

Os guerrilheiros do Vietminh lutaram pela independência da Vietnã e pelo fim do domínio colonial dos franceses durante a Guerra da Indochina.
PUBLICIDADE

A Guerra da Indochina aconteceu na Indochina Francesa, entre 1946 e 1954. Nesse conflito, guerrilheiros vietnamitas lutaram contra as tropas coloniais francesas para conseguir o fim do domínio colonial da França na região. O fim da Guerra da Indochina resultou na independência de Laos, Camboja e Vietnã em duas entidades (Vietnã do Norte e Vietnã do Sul). Acredita-se que o conflito possa ter causado até 400 mil mortes.

Antecedentes

A região composta por Laos, Camboja e Vietnã havia sido gradativamente absorvida pelos franceses e transformada em colônia ao longo do século XIX. No caso do Vietnã, foram incorporados os três reinos que existiam na região: Tonquim (norte), Annam (centro) e Conchinchina (sul). Além dessas regiões, a Indochina Francesa era formada pelo protetorado de Guangzhouwan, que havia sido cedido pelos chineses.

O domínio colonial dos franceses na região estendeu-se até o período da Segunda Guerra Mundial, quando a região foi invadida pelos japoneses em 1940. A invasão japonesa foi um desdobramento do que acontecia na Segunda Guerra sino-japonesa (esse conflito mesclou-se com os eventos da Segunda Guerra Mundial) e foi motivada pelo interesse japonês em fechar possíveis rotas de suprimentos utilizadas pelos chineses na região.

A partir dessa invasão, o território continuou com autoridades francesas estabelecidas, porém elas ficaram subordinadas às ordens dos japoneses. A sucessão dos domínios francês e japonês na região provocou o fortalecimento de movimentos nacionalistas, sobretudo entre os vietnamitas.

O principal grupo que compunha o movimento nacionalista vietnamita era o dos comunistas, que se organizaram e formaram um grupo conhecido como Liga Revolucionária para a Independência do Vietnã. Também conhecido como Vietminh, esse grupo aliou-se com chineses, americanos e os franceses de Charles de Gaulle para lutar contra os japoneses durante a Segunda Guerra Mundial.

Com a expulsão dos japoneses da região, ficou estabelecido pelos Aliados, durante a Conferência de Potsdam, que o Vietnã seria dividido em duas zonas de influência a partir do paralelo 17ºN. A parte norte do Vietnã seria ocupada pelos chineses, e a parte sul seria ocupada pelos britânicos. Antes que a ocupação chinesa acontecesse, o Vietminh declarou um governo no Vietnã do Norte e emancipou essa região.

O Vietnã controlado pelo Vietminh tinha Hanói como capital e Ho Chi Minh como governante. A parte sul havia continuado sob o comando dos franceses. As tensões existentes entre a parte dominada pela França e o Vietminh fizeram com que os franceses atacassem o norte do Vietnã, em Haiphong, em 1946. Esse evento marcou o início da Guerra da Indochina.

Guerra da Indochina

Tanque francês remanescente da Batalha de Dien Bien Phu, no Vietnã
Tanque francês remanescente da Batalha de Dien Bien Phu, no Vietnã

Com o início do conflito na Indochina, os franceses mobilizaram cerca de 200 mil soldados, que foram enviados para Tonquim, no norte do Vietnã. As tropas franceses eram formadas, majoritariamente, por soldados originários de outras colônias francesas, como Argélia, Marrocos, Tunísia etc.

O Vietminh adotou a tática de guerra de guerrilha durante o conflito. Isso porque a diferença de armamentos entre as duas partes era muito grande, o que impossibilitava os vietnamitas combaterem os franceses abertamente. Assim, foram utilizadas táticas que promoviam sabotagem e ataques de alta intensidade, aliadas com fugas estratégicas. A atuação dos guerrilheiros vietnamitas sobressaía-se nas regiões montanhosas e de floresta densa.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O conflito na Indochina ganhou nova dimensão a partir da Revolução Chinesa, ocorrida em 1949. Essa revolução foi responsável por transformar a China em uma nação comunista sob a liderança de Mao Tsé-Tung. A partir disso, os vietnamitas passaram a receber apoio armamentício de chineses e soviéticos.

Os franceses, por sua vez, passaram a contar com intenso apoio norte-americano, alarmado com o crescimento do comunismo no Sudeste Asiático. Essa preocupação surgiu após a Revolução Chinesa e, por causa disso, no final da guerra, segundo dado de Demétrio Magnoli, os Estados Unidos chegaram a arcar com 75% dos gastos militares dos franceses|1|.

À medida que esse conflito desenrolava-se, a opinião pública na França começou a posicionar-se contrária à presença francesa na região e à continuidade da guerra. Em vista disso, os franceses optaram por colocar em prática uma estratégia que promovesse um intenso combate entre os dois exércitos em Dien Bien Phu. A ideia dos franceses era enfraquecer a ação dos guerrilheiros vietnamitas a partir dessa batalha.

Contudo, a Batalha de Dien Bien Phu foi um retumbante fracasso para os franceses. O líder do comando militar Vietming, Vo Nguyen Giap, organizou um cerco intenso à cidade que provocou a morte de cerca de dois mil soldados franceses, de um total de 16 mil. Com isso, os franceses abandonaram Dien Bien Phu e sofreram uma derrota vexatória.

Essa derrota levou os franceses a negociarem os termos de um cessar-fogo com os vietnamitas na Conferência de Genebra, realizada em 1954.

Independência do Vietnã

Na Conferência de Genebra, ficou estabelecido o fim do domínio colonial dos franceses na Indochina. Laos, Camboja e Vietnã tornaram-se nações independentes, e instituiu-se que o Vietnã permaneceria com a divisão estabelecida em 1945, no paralelo 17. Assim, foram formados oficialmente o Vietnã do Norte e o Vietnã do Sul.

O Vietnã do Norte seria liderado por Ho Chi Minh, com governo estabelecido em Hanói, e o Vietnã do Sul seria liderado por Bao Dai (Ngo Diem Dinh assumiu pouco tempo depois), com governo estabelecido em Saigon. Os governos distintos seriam apoiados por União Soviética e Estados Unidos, respectivamente.

Nessa conferência, também foi definido que a unificação do Vietnã aconteceria a partir das eleições de 1955. No entanto, as tensões ideológicas existentes entre os dois governos provocaram o início de um novo conflito tempos depois: a Guerra do Vietnã.

|1| MAGNOLI, Demétrio(org.). História das guerras. In.: MAGNOLI, Demétrio. Guerras da Indochina. São Paulo: Contexto, 2013, p. 401.

*Créditos da imagem: Jim Pruitt e Shutterstock


Por Daniel Neves
Graduado em História

Selo vietnamita relembrou a Batalha de Dien Bien Phu, que ocorreu em 1954 durante a Guerra da Indochina *
Selo vietnamita relembrou a Batalha de Dien Bien Phu, que ocorreu em 1954 durante a Guerra da Indochina *
SÉCULO XVI AO XIX
SÉCULO XX
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Guerras Brasil Escola