Topo
pesquisar

A vitória dos Aliados

Século XX

PUBLICIDADE

Depois de observarmos a importância da vitória russa sobre o avanço das tropas nazistas, vamos agora ver outros locais onde se deu continuidade ao confronto. No ano de 1942, podemos observar a derrota dos países do Eixo em outras frentes de batalha. O Japão forçou os Estados Unidos a entrar no conflito com a deflagração do ataque surpresa à base americana de Pearl Harbor, em 1941. No ano seguinte, tropas estadunidenses e nipônicas entraram em confronto na Batalha de Midway.

Nesse confronto a vitória dos EUA deu um importante passo para frear o avanço do imperialismo japonês sobre diversas regiões do Oceano Pacífico. No ano de 1943, o general MacArthur liderou novas ofensivas contra as forças japonesas. Na região do Pacífico Central as tropas do general Chester Nimitz formaram outra frente de confronto que, em outubro de 1944, se encontrou com as tropas do general MacArthur. Até o início de 1945, as tropas norte-americanas conseguiram quebrar todas as áreas de influência japonesa na Ásia.

No oceano Atlântico, as tropas aliadas conseguiram empreender seus primeiros avanços mediante a vitória contra os sofisticados submarinos alemães. Na região norte da África, um poderoso destacamento alemão chamado Afrika Korps conseguiu pressionar as tropas britânicas rumo à região nordeste da África. Foi quando, no final de 1942, a ação britânica liderada pelo General Montgomery impôs uma forte derrota aos alemães na batalha de tanques de Al Alamein.

Em 1943, a colisão militar aliada se mobilizou em direção à Península Itálica. Naquele ano, um conjunto de forças militares norte-americanas desembarcou na Itália. Empreendendo uma forte ofensiva na região sul da Itália, os comandantes da cúpula fascista preferiram tirar Mussolini do poder e entregá-lo ao general Badoglio, responsável pela rendição italiana.

Tentando preservar sua liderança, Mussolini fugiu para o norte da Itália, onde proclamou a chamada República de Saló. No mês de junho de 1944, as forças aliadas dominaram a cidade de Roma. No ano subseqüente, as forças antifascistas italianas capturaram Benito Mussolini, que foi condenado ao fuzilamento. Mediante a possibilidade real de vencer o combate, já em 1943, os aliados realizaram a Conferência de Teerã.

Nesse encontro, o presidente russo Joseph Stálin, o presidente norte-americano Roosevelt e o primeiro-ministro britânico Winston Churchill traçaram um plano para dar fim ao poderio alemão. De acordo com os pontos estabelecidos, os Aliados planejaram o processo de ocupação da Europa Ocidental. No dia 6 de junho de 1944, conhecido como Dia “D”, o comandante Dwight D. Eisenhower capitaneou o desembarque de 36 divisões, 6.400 navios e milhares de aviões na região francesa da Normandia.

Empreendendo uma ofensiva quase inabalável, as tropas deixaram os exércitos alemães completamente combalidos. Enquanto essas tropas realizavam o domínio da Europa Ocidental, as tropas russas recuperavam os territórios do Leste europeu. No ano de 1945, as duas frentes de batalha se convergiram em direção ao território alemão. A cidade de Berlim foi tomada pelos soviéticos no dia 1º de maio. Na semana seguinte, as tropas nazistas se renderam.

Século XX - Guerras - Brasil Escola

PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Guerras Brasil Escola